Leixões - Naval


Jogo muito equilibrado entre Leixões e Naval 1º de Maio, muito dividido entre as equipes com mais ataques na primeira parte da equipa da casa.

A posse de bola condizia com o jogo em si 50 para cada lado, mas tanto o Leixões como a Naval a criar oportunidades de golo, mas até ao intervalo sem qualquer sucesso, para ambos os lados.

Na segunda parte, sai Bolívia lesionado para a entrada do Nosso Goleador Marcelinho, para tentar fazer a diferença no ataque navalista.

Jogo também muito equilibrado, mas com mais pressão no inicio do jogo do Leixões, mas a Naval logo depois a repor a sua defesa e a organizar bem o jogo. Tanto na primeira e na segunda parte, grande qualidade de Peiser na baliza com excelentes defesas.

Entretanto já com 62 minutos de jogo, Bruno Lazarroni sai lesionado, para a entrada de Baraji. Aos 75 minutos o golo do Leixões por Zé-Manuel, num lance confuso com algumas culpas para a defesa da Naval, e Zé-Manuel a cruzar a bola para Braga e o mesmo a retribuir para Zé-Manuel, a apanhar Peiser batido e rematar para o fundo das redes.


A Naval, parecia não querer desistir do jogo, aos 74 minutos sai Davide, e entra Michel Símplicio, para o seu lugar. Logo de seguida aos 81 minutos Michel pela esquerda a fazer o passe para Marcelinho que rematou e uma grande defesa do guarda redes Beto, do Leixões.

Entretanto o jogo esteve meio parado e de repente, surge Michel com o remate de pé direito e a bola a tocar no jogador Braga, acabando por trair o guarda-redes Beto, e grande GOOLLOOO para a Naval.

A Naval que esteve ao nível das grande equipes a demonstrar o seu bom futebol e a qualidade dos seus jogadores em campo. Assim a Naval entra bem na 10ª Jornada da Liga, pronta para trabalhar para mais um jornada. Agora Ulisses Morais prepara o jogo com o Rio Ave, para atingir o sucesso da equipa.


Claques:
Como não consegui assistir ao jogo no Estádio do Mar, devido a Trabalho, estive a ver o jogo pela Sportv, e mais uma vez deparei-me com as nossas claques Colectivo Maravilhas e Squadra Verdi, a apoiar incondicionalmente a Naval, a puxar por ela.

Eram poucos mas bons e isso é que interessa.

Não pude deixar de me lembrar de vocês que promovem o apoio tão grande à nossa Naval. Os Limonetes, como ainda são pequenos não foram, e porque o tempo não ajudou, também deram o seu apoio em suas casas.

Obrigado a todos voçes por tudo.
Ficam os golos e os melhores momentos para relembrar.


















Leixoes - Naval ao Vivo

Como prometido, aqui está os link´s para ver o jogo da Naval 1º de Maio, para quem não têm Sportv em casa.

Naval 1º de Maio - Ulisses Morais quer pontos no jogo com o líder Leixões

O treinador da Naval 1ª de Maio assumiu o objectivo de "conquistar pontos no confronto com o líder" da Liga portuguesa de futebol, ao perspectivar a deslocação a Matosinhos para defrontar o Leixões, sexta-feira, na 10ª jornada.

"Espero um jogo difícil, mas seguro de que a minha equipa vai saber abordar a partida, na perspectiva de conquista de um objectivo - trazer pontos de Matosinhos - o que nos deixará felizes", disse Ulisses Morais.

O técnico diz também que aguarda "um bom espectáculo" um conjunto, o Leixões, "que tem feito um campeonato excelente" e lidera, com 22 pontos, e outro, a Naval, "que tem feito um bom campeonato", ocupando o oitavo posto, com 11.

Face ao último jogo, em que a Naval foi derrotada, em casa, pelo Sporting (1-0), Ulisses Morais manteve a mesma lista de convocados, prescindindo de Bruno, Gilmar, Igor, João Ribeiro e Tiago Freitas, por opção técnica.

Além destes, Ulisses Morais não pode contar com o contributo de Zé Mário, Kovacevic, Tiago Rannown e Real, por impedimento físico.

A Naval nunca perdeu com a turma de Matosinhos, contudo o técnico da equipa da Figueira da Foz não dá grande relevância ao facto, porque, na sua opinião, "no futebol nada se repete".

"Caso se repita, é apenas porque fomos capazes de ir buscar a felicidade", acrescentou.

O jogo disputa-se no Estádio do Mar, em Matosinhos, a partir das 20:30 de sexta-feira, e será arbitrada por João Capela, de Lisboa.

Lista de convocados:

- Guarda-Redes: Peiser e Jorge Batista.

- Defesas: Paulão, Fabrício Lopes, Daniel Cruz, Carlitos e Diego

- Médios: Lazaroni, Dudu, Baradji, Alex Hauw e Godeméche.

- Avançados: Michel Simplício, Bolívia, Marcelinho, Saulo, Márinho e Davide.

Pequenos, Grandes Limonetes - São os Maiores



Assim nasceram os Limonetes…

Era uma vez, numa terra não muito distante, e onde o Limonete é Rei, que uma criança teve um sonho. Um sonho lindo!!!!

O José sonhou que tinha ido ver um jogo de futebol da 1ª Liga Portuguesa, onde havia a ideia de que era um pouco perigoso levar crianças ao futebol. Mas o jogo, ao qual José “assistiu”, era um jogo diferente.

Os jogadores cumprimentavam-se sempre que algum, sem querer, magoava o adversário. O árbitro, pessoa muito respeitada, era acarinhado por todos, independentemente dos juízos que poderia fazer, já que “errar é humano”. Os espectadores, esses, incentivavam com elogios, palavras agradáveis, palmas, palmas e mais palmas…

Nisto o José acordou, com o barulho ensurdecedor que se fazia no campo. A Naval estava a ganhar e o público, que enchia o estádio, estava em delírio!! Ainda bem que acordara, já que eram horas de ir para o ATL, e contar a todos os seus colegas que bom tinha sido aquele sonho, e o jogo que “assistiu em directo”.

Logo que chegou ao ATL, contou a todos, e pediu mesmo a uma das monitoras que, se fosse possível, levassem todos os meninos e meninas a assistirem a uma partida de futebol igual à do seu sonho.

A monitora disse-lhe que essas partidas só existem no imaginário das crianças, mas que seria possível tentar tornar realidade o sonho do José. Era só levar para os estádios de futebol a Educação para os Valores que tem recebido, as Regras de Cidadania, do Respeito, Compreensão e Aceitação do outro que tem aprendido todos os dias no ATL e na escola.

Foi assim que os Limonetes nasceram. Nasceram do desejo de poderem assistir ao vivo a partidas de futebol sem palavrões, insultos e pancadarias, e no fundo, do desejo de apoiarem a Naval 1º de Maio, clube mais antigo, e que este ano, pela primeira vez se encontra entre os maiores do nosso futebol.

Os Limonetes têm uma função lúdico-pedagógica, aliando o respeito e a educação ao desporto e ao lazer, dando ao Desporto Rei um suave e delicioso aroma a Limonete.

Meninos e Meninas do ATL de Tavarede.

Ora aqui está o que foi prometido pelo “onavalista”: uma apresentação formal, por carta dos próprios Limonetes, escrita e apresentada em 2005.
Afinal estes pequenos maiores do mundo já existem há quatro anos, a apoiar incondicionalmente a Naval 1º de Maio!

È realmente notável o e apoio incondicional dos Limonetes à Naval.
No estádio paira sempre o agradável “cheirinho” dos nossos Limonetes, para animar mais a festa. Dedicado a eles vou colocar um cantinho de fotos em slide no blog. Mas para isso proponho aos pais, amigos e próprios Limonetes, que, quando forem ao estádio, tirem fotos e enviem para o meu e-mail. Serão publicadas e colocadas em slide para todos os que querem conhecer e os visualizarem no blog como uma pequena grande claque.

Vamos a isso, dar a conhecer os NOSSOS LIMONETES. (Obrigado à monitora do ATL, à Drª Paula que é a coordenadora pedagógica deste concelho, pelo envio da carta e também pelo apoio de todos os pequenos, não esquecendo um especial agradecimento à Marcha do Vapor pela disponibilização das fotos do Limontes aqui apresentadas).

Ulisses Morais repete convocatória (Sporting) para Matosinhos

“Conquistar pontos no confronto com o líder, - Leixões” - foi o objectivo preconizado pelo treinador da Naval, Ulisses Morais face á deslocação ao Estádio do Mar, partida que sexta-feira abre a 10º jornada da Liga portuguesa de futebol.

“Espero um bom espectáculo entre duas equipas em que uma – Leixões - tem feito um campeonato excelente, outra - Naval - que tem feito um bom campeonato” referenciou o treinador navalista.Quanto á partida, Ulisses Morais adiantou “Espero um jogo difícil, mas seguro de que a minha equipa vai saber abordar a partida, na perspectiva de conquista de um objectivo – trazer pontos de Matosinhos – o que nos deixará felizes” garantiu.

A Naval nunca perdeu com a turma de Matosinhos, contudo o técnico da equipa da Figueira da Foz não dá grande relevância ao facto justificando “ no futebol nada se repete” e caso se repita é apenas porque fomos capazes de ir buscar a felicidade” finalizou.

O jogo entre Leixões, líder da classificação com 22 pontos e Naval 8º classificado com onze pontos, disputa-se no Estádio do Mar em Matosinhos, sexta-feira dia 28, pelas 20:30, partida que será dirigida pelo árbitro de Lisboa, João Capela, encontro que terá transmissão televisiva em directo na SporTV 1.

Aqui "onavalista" vai conceder aos nossos amigos links para ver o jogo on-line amanhã. Para quem não têm Sportv e queiram acompanhar o Jogo da vitória da Naval é só visitar ONAVALISTA.
Força Naval, para mais uma vitória...

Lista de convocados:- Guarda-Redes: Peiser e Jorge Batista.

Defesas: Paulão, Fabrício Lopes, Daniel Cruz, Carlitos e Diego.

Médios: Lazaroni, Dudu, Baradji, Alex Hauw e Godeméche.

Avançados: Michel Simplício, Bolívia, Marcelinho, Saulo, Márinho e Davide.

Marcelinho pode ser titular frente ao Leixões

AVANÇADO VOLTOU A TREINAR EM PLENO


Marcelinho voltou a treinar em pleno e até poderá ser titular nas deslocação a Matosinhos para defontar o Leixões, líder da Liga Sagres.

O avançado falhou as convocatórias para os encontros com o FC Porto e o Paços de Ferreira e regressou frente ao Sporting, actuando cerca de 30 minutos e mostrando já uma acentuada recuperação dos índices físicos.

No treino de hoje, o técnico Ulisses Morais, insistiu no ensaio de lances ofensivos. José Mário, João Real, Tiago Rannow e Kovacevic foram os ausentes da sessão.

Tradição joga a favor


A Naval, depois de sofrer duas derrotas consecutivas, registo inédito na época, manteve o oitavo lugar. O próximo adversário é o líder Leixões, no Estádio do Mar, e a tradição é favorável aos navalistas, que nunca perderam com tal rival. O jogo abre a 10.ª jornada e está marcado para sexta-feira.

Ontem, em Quiaios, treinaram de forma condicionada os defesas Tiago Rannow e João Real. Já Zé Mário, em fase mais adiantada, e Kovacevic, recém-operado, enfrentam a correspondente recuperação de cirurgias.

No treino de ontem, o destaque vai para o avançado Bolívia, que exibiu pontaria afinada e marcou seis golos. Hoje, de volta à Figueira da Foz e ao Estádio Bento Pessoa, Ulisses Morais cumpre mais um treino matinal. É possível que o técnico proceda a alterações.

Fonte: O Jogo

Bolívia em destaque no treino

HAUW E SIMPLÍCIO SEM LIMITAÇÕES


Bolívia foi o jogador em maior evidência no treino desta tarde da Naval. Marcou meia dúzia de golos, mostrando que está a atingir a sua melhor forma e disposto a patentear a sua fama de goleador no Estádio do Mar frente ao líder do campeonato.

Marcelinho mostrou estar próximo do melhor índice físico. Alex Hauw e Michel Simplício, recompostos das mazelas sofridas no jogo com o Sporting, já trabalharam sem limitações.

João Real e Tiago Rannow fizeram treino condicionado, e José Mário, em recuperação pós-operatória, fez caminhada, prevendo-se, segundo o médico do clube Pedro Santos, a sua recuperação para um prazo mais reduzido do que o previsto.A intervenção cirúrgica a que Kovacevic foi submetido decorreu com êxito.

Limonetes NAVAL

Está quase, quase, quase, a apresentação aqui no blog "onavalista" da nossa claque, a mais pequena do mundo, no apoio incondicional à Naval 1º de Maio. Estou à espera do envio de uma apresentação formal da parte da Monitora do ATL que organiza os nossos Limonetes. Com muito prazer e gosto pelos miúdos, estarei aqui para publicar tudo o que esteja relacionado com eles.

Desde já solicito a colaboração dos pais para o envio de fotos dos Limonetes, no Estádio José Bento Pessoa, para poder fazer publicação.

Mais uma vez, os meus agradecimentos a todos vocês pequenos que acompanham este blog sobre a Naval.

Naval: Kovacevic foi operado e deve falhar resto da época


O médio da Naval Stevan Kovacevic foi operado na manhã desta segunda-feira ao ligamento cruzado do joelho direito, no Hospital da Trindade, no Porto. A intervenção cirúrgica decorreu com toda a normalidade e o jogador terá alta amanhã, tendo pela frente um período de paragem de cerca de cinco meses.


Kovacevic lesionou-se a 7 de Novembro, num treino, e jogou apenas na Taça de Portugal, frente ao Boavista de São Mateus, correndo assim o risco de perder o resto da temporada. Um tremendo azar logo na primeira época em Portugal, depois de ter deixado o modesto Radnicki, da II Divisão da sérvia.


Este é o segundo jogador da Naval a ser operado a um joelho. O primeiro foi igualmente um jovem, o lateral José Mário, que nem chegou a ser convocado para qualquer jogo até se lesionar a 25 de Setembro, durante um particular com o Beira Mar.
Quanto aos restantes casos clínicos assinale-se que tanto Hauw como Simplício já se treinaram nesta segunda-feira, enquanto João Real poderá começar a fazer trabalho de campo durante a semana.

Fonte: Mais Futebol

Diário as Beiras de 24 de Novembro de 2008


Noticia do nosso grande amigo Rogério Neves, sobre a Nossa e Grande Naval.

Fonte: Diário as Beira

Juvenis: Naval 1º de Maio

Juvenis: A 9.ª jornada do Campeonato Nacional de Juvenis, disputada este domingo, teve os portistas que sentiram grandes problemas para superar a Naval 1.º Maio, mas o triunfo pela margem mínima (1-0) permitiu aos dragões continuar a ser a única equipa só com vitórias na competição.

Resultados e classificações:

SÉRIE B:

Feirense - Vilar Formoso, 5-0
Naval 1.º Maio - FC Porto, 0-1
Académico Viseu - Boavista, 0-4
Pasteleira - Marialvas, 3-1
Académica - Leixões, 3-1
União Lamas - Candal, 0-0

Classificação:
1. FC Porto, 27
2. Académica, 24
3. Boavista, 21
4. Naval 1.º Maio, 17
5. Feirense, 16
6. Pasteleira, 13
7. Leixões, 10
8. União de Lamas, 8
9. Candal, 7
10. Académica de Viseu, 6
11. Marialvas, 6
12. Vilar Formoso, 3

Alex Hauw perdoa Derlei

MÉDIO FRANCÊS SOFREU FORTE TRAUMATISMO

O dia de ontem começou doloroso para o francês Alex Hauw, que no sábado, frente ao Sporting, se lesionou devido a uma intervenção ríspida de Derlei, que então viu o cartão vermelho directo. Hauw sofreu um traumatismo na coxa direita, com volumoso hematoma, e está impossibilitado de se treinar. Para hoje tem marcados exames complementares de diagnóstico. O francês não ficou, contudo, com rancor para com Derlei. “Não me pediu desculpa na altura, nem me ligou. Mas revi o lance e não me parece que tivesse havido maldade ou premeditação. Se o perdoo? Sim, sem problemas”, disse, em declarações ao site Maisfutebol.

Igualmente lesionado ficou o brasileiro Simplício, que se magoou quando da entrada que motivou a expulsão de Caneira. O extremo sofreu um traumatismo no gémeo da perna direita, com hematoma, e ontem fez apenas treino condicionado. Entretanto, o médio Kovacevic vai ser hoje operado, no Hospital da Trindade, no Porto, ao ligamento cruzado do joelho direito.

Força Alex, boa recuperação e que voltes para ajdar a Naval.

Fonte: Jornal Record com pequenas alterações de "onavalista"

Ver jogo On-line


Boa Noite Navalistas.

Para quem está em casa e por motivos de ordem maior não podem deslocar-se ao Estádio José Bento Pessoa, aqui fica os links dos sites para ver o jogo on-line. Espero que dê jeito, para todos vós.

Que a Naval Ganhe por 1-0, e que façamos história mais uma vez.

Força a todos...

Naval vs Sporting






[url=http://adserver.itsfogo.com/click.aspx?zoneid=29064]BWIN[/url]

Ulisses Morais: «Vitória diante o Sporting»

É UMA DAS PRENDAS DE ANIVERSÁRIO QUE O TÉCNICO QUER

O treinador da Naval 1.º de Maio, Ulisses Morais, espera que a equipa que orienta aborde com "espírito ganhador" a recepção ao Sporting, em encontro da nona jornada da Liga Sagres.

"Abordar a partida com espírito ganhador é condição essencial e fundamental para uma gestão equilibrada da partida e, ao mesmo tempo, para podermos olhar o jogo de frente", salientou o treinador figueirense, em conferência de imprensa.

Apesar de já ter batido o FC Porto (1-0) e estar invicto como anfitrião, contando com três vitórias e um empate, Ulisses Morais não espera um jogo fácil frente aos leões.

"Esperamos naturalmente as dificuldades inerentes a defrontar um clube com a dimensão do Sporting, dificuldades com que temos de lidar pois fazem parte do nosso processo de crescimento", esclareceu.

Ainda assim, será apenas mais um embate, pois o técnico considera que "não será um jogo diferente dos que já realizámos ou mesmo dos muitos que ainda temos por realizar. O jogo com o Sporting tem, porém, características próprias, pela sua especificidade".

O líder da turma figueirense dá a receita para conseguir a vitória frente à formação de Alvalade: "Manter um registo muito igual de personalidade, sem grandes oscilações comportamentais, e o mesmo nível de prestação, comportamento e exibição que temos tido ao longo da competição".

O encontro acontece num dia especial para Ulisses Morais, que completa 49 anos e quer como prendas de aniversário: a "família com saúde e a vitória diante o Sporting".

O jogo entre Naval 1.º de Maio e Sporting disputa-se no sábado, às 20:30, no Estádio Municipal José Bento Pessoa, na Figueira da Foz, com arbitragem de Artur Soares Dias, do Porto.

Não se admite 300 euros à hora para treinar por causa do município

300 euros à hora para treinar

Ulisses Morais, técnico da Naval, está a ficar cansado de não ter as condições necessárias para treinar o plantel. Em vésperas de receber o Sporting, o treinador comparou as diferenças entre os dois clubes ao nível de... infra-estruturas.

"O Sporting tem uma Academia e a Naval, para poupar o relvado municipal, consome elevadas verbas próprias e não estabiliza os seus níveis de trabalho porque não tem infra-estruturas adequadas." Mas vamos explicar como é o dia-a-dia deste centenário clube da Figueira da Foz que se mantém no primeiro escalão do nosso futebol há quatro épocas.

O treino diário da Naval divide-se entre dois relvados que distam entre si 20 minutos de automóvel: o Estádio José Bento Pessoa, na Figueira da Foz, propriedade do município, e o relvado do Complexo Rosa Náutica, em Quiaios, recinto particular e que absorve verbas elevadas ao clube.

É sobre esta realidade que Ulisses reclama igualdade: "Não estamos em igualdade de circunstâncias", diz, apresentando, de seguida, as condições que encontra no Estádio José Bento Pessoa, onde ainda não perdeu esta época.

"O nosso trabalho diário é realizado no relvado do estádio municipal, onde as condições de trabalho não são apelativas, são difíceis. Mas é o que temos. Construímos ali o nosso ginásio porque esse trabalho faz parte do treino".

Os problemas aparecem agora: "Para que o relvado mantenha as condições mínimas de qualidade temos de o poupar! E isso implica o aluguer do relvado em Quiaios, onde não temos ginásio e pagamos cerca de 300 euros à hora!".

Daí o apelo de Ulisses para as instituições da Figueira da Foz: "É preciso dar atenção às nossas precárias condições de trabalho".

Realmente é mesmo complicado. Se a naval com o complexo que pensa em construir, já estivesse aprovado no município da Figueira da Foz, já eram 300€ hora, que entravam nas contas do clube. Agora eu queria ver era o município a pagar isso à hora para treinar, tá bem tá, mas prontos, enfim. Mas já aroga caros utlizadores o que acham desta informação??

Fonte: O Jogo e com alterações de "onavalista", foto Beiras

Naval tem Marcelinho em lista reduzida para o Sporting

AVANÇADO CANARINHO RECUPEROU DE LESÃO


O avançado brasileiro Marcelinho, melhor marcador da Naval, está recuperado da lesão que o afectou e foi convocado para a recepção ao Sporting, em encontro da 9.ª jornada da Liga.Autor de dois golos na competição, depois de ter apontado 10 em 2007/2008, Marcelinho já tinha entrado na lista dos eleitos para o embate com o Paços de Ferreira, mas acabou por ficar fora dos 18, por não se encontrar nas melhores condições.

Desta vez, e mesmo sem estar a 100 por cento, o canarinho vai ser incluído na ficha do encontro, já que o treinador Ulisses Morais reduziu o número de convocados de 20 para 18, prescindindo de Tiago Freitas e Igor.
De fora ficaram igualmente Bruno, João Ribeiro, Igor, Gilmar e Tiago Freitas, todos por opção técnica, enquanto Real, Zé Mário, Kovacevic e Tiago Rannown estão lesionados.

Lista de convocados:
Guarda-Redes: Peiser e Jorge Batista.
Defesas: Paulão, Fabrício Lopes, Daniel Cruz, Carlitos e Diego.

Médios: Lazaroni, Dudu, Baradji, Alex Hauw e Godeméche.

Avançados: Michel Simplício, Bolívia, Marcelinho, Saulo, Márinho e Davide.
Força Naval - Mais concentração e vontade de vencer, vamos fazer história frente ao Sporting, vamos lá e por favor dêem a camisoa aos miudos, dos Limonetes eles são o melhor da Naval. Obrigado a todos.
Fonte: Mais Futebol e alterações de "onavalista"

Vamos Comentar para ajudar


Em parceria com o nosso amigo www.marchadovapor.blogspot.com, gostaríamos que todos os que frequentam este blog comentassem sobre os nossos queridos Limonetes. Pessoal Vamos a isso.

Marcelinho vai estar na recepção aos leões

NÃO DEVE SER TITULAR MAS INTEGRA LOTE

Marcelinho vai fazer parte da lista de convocados, mas o ponta-de-lança e melhor marcador da equipa não deverá ser titular, já que continua a recuperar os índices físicos devido à longa paragem devido a lesão.Registe-se que Daniel Cruz, lateral-esquerdo, já participou sem limitações no treino, recuperando do estado febril que acusara na véspera e que então o forçou a ausentar-se.

A Naval tem algumas boas recordações de jogos com o Sporting, já que, surpreendentemente, quando a equipa ainda militava na Liga de Honra, foi ao velhinho Estádio de Alvalade eliminar os leões para os quartos-de-final da Taça de Portugal.No ano de estreia na Primeira Liga (2005/2006), e depois duma derrota em casa por 0-2, voltou a Lisboa, desta feita ao Alvalade XXI, e impôs um empate à formação liderada por Paulo Bento, num jogo marcado pela expulsão de Ricardo Sá Pinto.Sábado é outro jogo, e a Naval, de que restam, como sobreviventes desse encontro, Carlitos e Saulo, prepara o embate sem alterações de maior na estratégia, tal como o tinha feito com o FC Porto, jogo que venceu por 1-0.

Aliás, esta época em casa, os figueirenses ainda não perderam no seu campo e apenas cederam um empate frente ao Belenenses.Davide, que antes de ingressar na Naval, alinhou pelo Estrela da Amadora e pelo Sporting de Braga, fala de estatísticas e diz que “já ganhei, já perdi e já empatei com o Sporting”.

O avançado não esconde que “vai ser um jogo complicado, mas as dificuldades repartem-se pelas duas equipas”, afirma, acrescentando, quando questionado sobre o momento menos bom dos “leões”: “Tomara que todas as equipas tivessem problemas como o Sporting, que tem um plantel de muita categoria”.A terminar, limita-se a dizer que “quando o jogo começar desaparecem todos os problemas”.

«A Naval tem precárias condições de trabalho» - Ulisses Morais

Ulisses Morais diz que «a Naval tem precárias condições de trabalho», que tornam mais difícil o dia-a-dia da equipa, sendo certo que as limitações, para as quais tem procurado alertar, não impedem treinador e jogadores de querer «ser melhores todos os dias». Por isso, “ganhar” é a palavra de ordem para a recepção ao Sporting.

Confrontado com a onda de lesões que afecta o plantel do Sporting, o timoneiro da equipa da Figueira da Foz lembra que «os problemas que o Sporting tem são momentâneos e nós também os temos, e temos outros que o Sporting não tem».

«A Naval tem precárias condições de trabalho – e eu, por inerência –, precisa dum estádio novo e que olhem para este clube. Nós vamos tentando fazer com que as pessoas percebam que, mesmo com estas condições, queremos ser melhores todos os dias. Mas não é fácil», diz Ulisses Morais, em declarações à TSF.

De resto, o técnico acredita que uma postura «organizada e equilibrada» permitirá à sua equipa discutir o jogo «de forma séria e mais forte» com o Sporting, conferindo «mais probabilidades de obter um resultado positivo».

Calma Ulisses, daqui a um tiro tens o Estádio Novo vais ver e aí até mais pessoal vai ver os jogos, e também os jogadores vão ter condições e a equipe técnica. Força Aprigio para esse Estádio.

Fonte: A Bola com alterações de "onavalista"

Força Colectivo, Squadra e Limonetes


Mais uma vez as nossas claques estão imparáveis. O Colectivo com sua postura maravilhosa, a Squadra de regresso e os nossos pequeninos Limonetes que dão um excelente apoio à nossa Naval. Sempre com a força, de assistir a todos os jogos para dar a voz da Naval, bem alto. Força a todos vocês e que possam gritar Gooooloooo, pela Naval e pela sua história. Já Agora aproveito para dizer que o Colectivo Maravilhas, pede que todas as pessoas que possam comparecer no jogo e deixa esta informação:

NAVAL - Sporting

Sabado, 22 Nov 2008 20H30

Vem apoiar a NAVAL

Preços 3 Maravilhas Sócios do COLECTIVO

INFOLINE
962925988

Soares Dias dirige Naval x Sporting

Fonte: Marchadovapor

Figueirenses reclamam verba ao Real Madrid

PELA FORMAÇÃO DE PEDRO MARQUES

A Naval vai accionar os mecanismos legais para receber a percentagem que lhe é devida na transferência de Pedro Marques para o Real Madrid. O jovem extremo assinou ontem à tarde um contrato profissional com os merengues válido para os próximos 3 anos. O jogador já representava o clube desde os juniores, e está agora na equipa C, mas o facto de assinar contrato profissional faz com que o clube figueirense tenha direito a receber uma percentagem pela formação. Pedro Marques jogou o primeiro ano de júnior na Naval e antes representou a Académica e o Sporting, durante 5 anos.

Fonte: Jornal Record

Preço dos Bilhetes para Sábado

Segundo fonte do Diário as Beiras os preços são:

Agradecimentos a Todos pelas Visitas


Muito boa tarde a todos os Navalistas.

Desde já quero agradecer a todos que constantemente têm participado de comentários úteis para a construção deste blog que aos poucos vai ganhando outra forma.

Mas o Motivo desta informação não é só agradecer mas dizer-vos que este Blog ainda nem 1 mês de vida têm e já conta com mais de 500 visitas, o que é realmente excelente.

Para quem iniciou este blog por iniciativa própria e com o intuito de informar os navalistas fiquei realmente surpreendido com as visitas que têm surgido.

Por isso um muito obrigado pela vossa visita que continuem assim, e fico feliz pelo vosso apoio de prosseguir em frente com este blog.


"onavalista"

Marinho: «Sporting não vai ter vida fácil» & Marcelinho em dúvida

AVANÇADO ESPERA GANHAR NO DOMINGO

Em evidência no treino desta quarta-feira, com a marcação de dois golos - Marinho deixou um aviso aos leões para o encontro de domingo.“É um jogo difícil como todos os outros. Este não foge à regra. O Sporting é um candidato ao título, mas não vai ter vida fácil no nosso campo. O nosso pensamento só aponta para a vitória”, assegura o avançado.Qualquer das equipas vem de resultados negativos na última jornada, mas Marinho garante que “a derrota com o Paços de Ferreira já faz parte do passado".Quanto ao Sporting, considerou que “não está a passar por nenhuma crise e as equipas grandes têm sempre soluções para ultrapassar resultados menos bons”.

TIAGO RANNOW E DANIEL CRUZ ENTRE OS AUSENTES

Marcelinho, que no jogo da segunda volta da época passada abriu o activo aos 12 minutos no jogo com o Sporting no Bento Pessoa (1-4), está em dúvida para o encontro do próximo domingo.O ponta-de-lança fez esta quarta-feira treino condicionado, integrando a equipa dos menos utilizados, uma forma de ser poupado enquanto eram avaliados os seus índices físicos.De fora estiveram José Mário, João Real, Kovacevic, e ainda Tiago Rannow, que sofreu um pequeno toque ontem, e Daniel Cruz, que, com um sintoma viral, foi para casa repousar.

Fonte: Jornal Record

Peiser rejeita frango: «Se fosse golo do Ronaldo, era fantástico!»

As atenções mediáticas redobram na Figueira da Foz, por força do jogo com o Sporting do próximo sábado. Não há quem queira perder a partida, a começar pelos jogadores. O último onze de Ulisses Morais, num plano teórico talvez o mais forte e equilibrado actualmente, não evitou uma derrota em Paços de Ferreira e, até por isso, poderá haver mexidas.

Um dos lugares em aberto - ou não, Ulisses o dirá - poderá residir na baliza, onde a concorrência é forte e o mínimo deslize pode custar a titularidade. Pelo menos na última época, o técnico navalista promoveu grande rotação entre os postes, alternando consoante as exibições menos conseguidas de Taborda e Wilson Júnior.

Esta época, Jorge Batista partiu na frente, mas à quinta jornada, frente ao Belenenses, uma lesão obrigou-o a ceder o lugar a Romuald Peiser, que não mais o largou. Os dois estão, assim, rigorosamente empatados em jogos (4) e minutos (360) na Liga, assim como nas outras provas: o português fez dois encontros na Taça da Liga, o francês outros tantos para a Taça de Portugal.


Quem jogar no próximo sábado vai ficar em vantagem e a questão é perceber se, para o técnico, o primeiro golo sofrido por Peiser frente ao Paços pode justificar nova mexida na guarda das redes. Em declarações ao Maisfutebol, o visado considera que não: «É uma questão para colocar, obviamente, ao treinador. Ele é soberano e escolhe quem acha melhor. O que eu sei é que continuo a ter a sua confiança. Vi o golo na televisão e penso que não há falha da minha parte. Afinal, não foi um remate a 50 metros que me passou entre as pernas! Há mérito do avançado, que colocou muito bem a bola.»

O guarda-redes navalista admite, ainda assim, que não estaria colocado da melhor forma, mas explica que, por vezes, um segundo pode fazer toda a diferença: «O sol também me perturbou, a bola não entrou mesmo ao meio, mas sobre a esquerda, muito chegada à trave. Claro que se estivesse uns dois metros atrás era capaz de a apanhar, mas no futebol há que tomar decisões rápidas. As vezes saem bem, outras não. Se estivesse sobre a linha de golo, se calhar, a bola seria metida para um dos postes e aí toda a gente perguntaria o que eu estava a fazer ali. Sinceramente, não me afectou e a prova é que disse presente na segunda parte, defendendo o que era preciso. Se tivesse sido o Cristiano Ronaldo a marcar o golo, toda a gente diria: fantástico! Não diriam que foi erro do guarda-redes.»

«Tomara a outros ter os problemas do Sporting»

Peiser já teve oportunidade de defrontar o Benfica (derrota, por 2-1, na Luz) e o F.C. Porto (vitória, na Figueira, por 1-0) e quer, por isso, completar o puzzle com a peça que falta. «Estes são os melhores jogos, que todos os jogadores querem jogar. Temos oportunidade de nos bater contra atletas internacionais e de brilhar», confessa o guardião.

Do adversário de sábado, rejeita linearmente que esteja a atravessar um período de crise, depois da derrota caseira com o Leixões, e explica porquê: «O campeonato é longo e o Sporting é uma grande equipa. A prova disso é que está qualificado para os 16 ávos-de-final da Liga dos Campeões. Tomara a algumas equipas ter os problemas do Sporting.»

Afável, o francês, que já domina a língua de Camões, aproveita a insistência do Maisfutebol para esclarecer como deve ser pronunciado o seu nome: «É Pêzérre!» Pronto, acabaram-se as dúvidas.

Epá deixem lá o nosso Guarda Redes fazer o seu trabalho e deixem-se de coisas, muito têm ele demonstrado, todos nós falhamos até o melhor do mundo.

Força Naval amos ganhar no Sabado.

Fonte: MaisFutebol com alterações de "onavalista"

Naval: corrida ao golo número 100 (Será feita História com o Sporting?? O que acham)


Sporting «convidado» para padrinho de um feito histórico

O próximo encontro da Naval pode proporcionar a um dos jogadores do actual plantel a entrada para a história do clube. Não é que marcar ao Sporting não seja já de si um feito assinalável, sobretudo em caso de vitória, mas em jogo estará algo irrepetível: o centésimo golo dos figueirenses na divisão principal.

Bolívia aproximou as contas, ao marcar o 99º no último domingo, em Paços de Ferreira, e chegou-se a pensar, pela entrada de pé direito dos navalistas na partida, que o momento poderia ainda chegar durante a partida, mas a reacção da equipa local levou a um adiamento, quem sabe até ao próximo sábado. Perfeito: em casa e com um ilustre padrinho para abrilhantar ainda mais a festa!

Candidatos a esse pontapé (ou cabeceamento) para a história, não faltam. O mais provável, aquele que vale os prémios mais baixos numa casa de apostas, é, desde logo, Bolívia, o goleador do momento, depois da recente saída de cena de Marcelinho, por força de sucessivas lesões. Uma pena, dirá Ulisses Morais, ou não fosse o brasileiro a par de Saulo, o melhor marcador da Naval desde que chegou à Liga principal, com 12 golos.

De qualquer forma, o camisola 20 navalista ainda pode sonhar com a proeza, pois deve superar os problemas físicos até ao dia do jogo e, valha a verdade, o centésimo golo assentava-lhe bem, em função da importância que assume para o clube.

Fazer prognósticos, nesta altura, assume um risco desmesurado - quem apostaria que um lateral-esquerdo, de nome Daniel Cruz, seria o autor do golo da vitória sobre o F.C. Porto? -, e, mais ainda, se tivermos em conta quem marcou o golo 50: Mário Sérgio, há duas épocas, no terceiro e último tento dos figueirenses numa deslocação a Setúbal, a 14 de Janeiro de 2007, à passagem da 15ª jornada.

Gilmar reintegrado
Em semana sem direito a folga, os figueirenses começaram de imediato a preparar esse jogo grande diante do Sporting. A novidade do dia, além do ambiente naturalmente mais pesado, pela derrota em Paços de Ferreira, foi a reintegração do veterano Gilmar, que trabalhou com os jogadores não utilizados na última partida.

Quanto aos titulares, cumpriram o habitual treino de regeneração. Marcelinho e João Real ficaram-se pelo ginásio, enquanto José Mário continua a recuperar da operação. Kovacevic ainda aguarda por uma data para ser, igualmente, submetido a uma intervenção cirúrgica.

Fonte: MaisFutebol

Marcelinho deve recuperar


PREPARA-SE A RECEPÇÃO AO SPORTING

Marcelinho deve recuperar a tempo de defrontar o Sporting. O goleador brasileiro, a contas com dores na perna direita, falhou o jogo com o Paços de Ferreira, mas ontem fez trabalho no ginásio e tudo aponta para que esteja apto frente aos leões. Com quem Ulisses Morais já pode contar é com o médio Gilmar que integrou no treino sem limitações, depois de uma lesão prolongada. Até ao jogo com o Sporting não há folga.
Fonte: Jornal Record

Naval Perde e deixa fugir 3 pontos

Naval perde com o Paços de Ferreira, em que esteve ainda a ganhar por 0-1, mas o Paços com alguns lances de sorte antes da segunda parte a dar a volta, em duas falhas da Naval 1º de Maio, e obteve dois golos durante o jogo.

Um antes do intervalo e outro logo ao reatamento do jogo na segunda parte o segundo. Infelicidade para a Naval, que por dois erros que teve foram golos da certa.
A Naval na segunda parte teve muitas oportunidades, mais controlo de bola, mais organizada, mas não conseguir concretizar, infelicidade para a Naval.
Paciência vamos esperar mais uma semana para ver se fazemos história na Figueira da Foz, com o Sporting.
Força Naval, estamos em grande.
Agradecimentos a todos os navalistas tanto ao Colectivo Maravilhas e ao regresso da Squadra Verdi. Continuem assim

Paços sai da primeira parte com reviravolta

Paços de Ferreira dá a volta ao resultado para 2-1 ao intervalo. Num remate meio bomba do meio da rua Peiser atraiçoado pelo Sol e vai disto para dentro da Baliza. O Outro foi oferta de Alex que abriu auto-estrada e assim foi o segundo golo do Paços. Esperemos que a Naval, dê a volta ao resultado porque têm qualidades para tal.

Força Naval, estamos contigo.

Paços de Ferreira - Naval, tudo sobre o Jogo

Devido a doença, não consegui acompanhar os últimos passos da Naval 1º de Maio. Mas Agora Sim, a seguir o jogo pela Rádio Foz de Mondego e Logo ao minuto 17, Bolívia marca o primeiro golo através de canto. Paços de Ferreira logo de inicio a carregar a Naval, mas não é o suficiente, e assim a Naval respondeu logo a seguir, com um lance de bola parada e fez o Golo. Também à meia hora de jogo novamente de canto Diego Ângelo teve a oportunidade de marcar.

Aproveito para dizer que a Squadra Verdi, voltou novamente e fazem a festa no campo do Paços, conjuntamente do Colectivo Maravilhas. Força Naval.

Noticia do Jornal Record

A estreia do avançado brasileiro Tiago Freitas é o destaque da convocatória da Naval 1.º de Maio para a deslocação ao reduto do Paços de Ferreira, a contar para a oitava jornada da Liga Sagres.
Ulisses Morais convocou 20 jogadores, continuando a haver dúvidas em relação à recuperação total de Marcelinho, que é o melhor marcador da equipa.
De fora por lesão ficaram Zé Mário, Gilmar, Real e Kovacevic, enquanto que Bruno, Tiago Rannown e João Ribeiro foram preteridos por opção técnica. O jogo entre Paços de Ferreira e Naval, disputa-se domingo às 16 horas, no Estádio da Mata Real, com arbitragem de Luís Reforço, de Setúbal.

Lista de convocados:
Guarda-Redes: Peiser e Jorge Batista.
Defesas: Paulão, Fabrício Lopes, Daniel Cruz, Carlitos, Diego e Igor.
Médios: Lazaroni, Dudu, Baradji, Alex Hauw e Godeméche.
Avançados: Michel Simplício, Tiago Freitas, Bolívia, Marcelinho, Saulo, Marinho e Davide.

Estádio Municipal nas “mãos” da Naval pelo menos até 2014

Na próxima segunda-feira vai ser levado à reunião de Câmara a denúncia do contrato de concessão das instalações desportivas do Estádio Municipal José Bento Pessoa.

O contrato de concessão das instalações desportivas (que reporta para uma minuta de um protocolo de utilização) foi assinado em Fevereiro de 1989, com uma figura jurídica «contestada ao longo do tempo e confirmada agora, no momento que é necessário prorrogar ou não este instrumento pelo prazo expresso de 20 anos», tal como estava previsto, explicou ao nosso Jornal o vereador do Desporto.

A Câmara, denunciando ao protocolo (o que só poderia acontecer até segunda-feira, ou seja, 90 dias antes), deveria pagar 50% das benfeitorias efectuadas no complexo desportivo com a prévia aprovação da autarquia, mas «com o entendimento de que não deveria ser prorrogado o contrato por igual período de tempo de 20 anos e pela própria natureza de disponibilidade do estádio que é a concessão, que na legislação actual configuraria outro enquadramento jurídico, houve reuniões entre as duas partes, e depois da Naval ter comunicado a vontade de prorrogar o protocolo, a câmara notificou formalmente na quinta-feira passada a instituição, da sua decisão de denunciar o contrato», explicou.

Lídio Lopes adianta que era necessário «acautelar, de forma positiva, a disponibilidade para a Naval de um espaço para a prática de futebol», e com base no protocolo e na posição da autarquia face a todas as notícias que têm surgido, decidiu «prorrogar por mais cinco anos», disse o autarca, frisando que «estamos muito empenhados em que, com tranquilidade, a questão da existência de um estádio se resolva».

«Temos toda a boa vontade e todo o interesse, em, acautelando a defesa do interesse público e entendendo a defesa do interesse privado da Naval, no denominador comum, encontrar uma solução positiva para a existência de um estádio de futebol para ou da Associação Naval 1.o de Maio com qualidade», sustentou o autarca.

O também vice-presidente da autarquia frisa ainda que não pretendem «perturbar o normal funcionamento da instituição e por isso, acertamos os termos de um protocolo de cedência de equipamento por cinco anos, considerado razoável para que se encontrem as soluções por todos desejáveis», disse, sublinhando «o bom entendimento e colaboração da Naval 1.o de Maio neste processo».

Um período de tempo que, segundo Lídio Lopes «não perturba a actividade da Naval, não lhe retira nenhuma das garantias expressas no documento original, acautela a prática desportiva tranquila por mais cinco anos e defende com esta solução, o interesse publico e a possibilidade da câmara poder intervir na área do estádio num tempo razoável», concluiu.

Fonte: Diário de Coimbra

Alterações à nona jornada das Ligas

A visita do Sporting à Naval 1 de Maio foi antecipada para sábado, 22 de Novembro, informou, esta sexta-feira, a Liga Portuguesa de Futebol Profissional, que confirmou o adiamento do Estrela da Amadora-FC Porto para 17 de Dezembro.

Segundo o comunicado com as alterações para a nona jornada do campeonato, o desafio dos "leões" na Figueira da Foz vai disputar-se às 20:30, com transmissão na SportTV1, tal como o Académica-Benfica, que se realiza domingo, com início às 20:15.

I LIGA: - Sexta-feira, 21 Nov: Rio Ave - Leixões, 20:30 (SportTV1).

- Sábado: 22 Nov: Marítimo - Sporting Braga, 18:15 (SportTV1).
Naval - Sporting, 20:30 (SportTV1).


- Domingo, 23 Nov: Nacional - Trofense, 16:00.
Vitória Guimarães - Paços de Ferreira, 18:00 (SportTV1).

Académica - Benfica, 20:15 (SportTV1).


- Segunda-feira, 24 Nov: Vitória Setúbal - Belenenses, 20:30 (SportTV1).
- Quarta-feira, 17 Dez: Estrela Amadora - FC Porto, RTP 1.


LIGA DE HONRA: - Domingo, 23 Nov: Freamunde - Boavista, 11:15 (SportTV1).
Gondomar - Sporting Covilhã, 15:00.

Feirense - Olhanense, 15:00.

Beira-Mar - Desportivo Aves, 15:00.

Santa Clara - Vizela, 16:00.

União Leiria - Varzim, 16:00.

Portimonense - Oliveirense, 16:00.

Gil Vicente - Estoril, 16:00


Fonte: RTP1

Taça de Potugal - Naval vs Portimonense

Naval recebe Portimonense no Estádio José Bento pessoa para disputar os oitavos de final da Taça de Portugal. Mais uma vez um clube do Algarve que a Naval conhece bem.
Quando defrontou o Olhanense na Carlsberg Cup, mas agora com o Portimonense para a Taça de Portugal.
Esperemos que desta vez a Naval consiga melhor resultado do o que foi feito em Olhão, e com o factor casa, traga uma grande alegria para os seus adeptos.

Resultado do sorteio:
P. Ferreira-Vizela
Trofense-Nacional
Naval-Portimonense
Leixões-Benfica
V. Setúbal/Moncorvo-V. Guimarães
Cinfães-F.C. Porto
E. Amadora-Olivais e MoscavideValvedez-processo pendente relativo à 1ª eliminatória

Força Naval, desta corre melhor.

As partidas dos oitavos-de-final estão agendadas para 14 de Dezembro.

Falta dois golos para os 100

Fonte do Diário das Beira de 14 de Novembro de 2008

Fonte: Diário as Beiras

Daniel Cruz apto e Bolívia em alta


DEFESA-ESQUERDO TREINOU SEM LIMITAÇÕES

O defesa-esquerdo Daniel Cruz integrou o treino de ontem sem quaisquer limitações.

Uma boa notícia para Ulisses Morais já que, na véspera, o brasileiro tinha abandonado o relvado com dores na coxa esquerda.Quem também está apto é Bolívia, moralizado por se ter estreado a marcar diante do Belenenses.

“Foi fantástico, um momento de grande felicidade.

Estou a ganhar confiança”, refere o avançado, confiante para os jogos que aí vêm: “Estamos a dar os passos certos na Liga.”

Dudu lamenta infortúnio de Di Maria

Dudu ficou surpreendido ao saber pela comunicação social que Di Maria iria ficar afastado dos relvados cerca de dois meses por ter contraído uma lesão “fissura no perónio” em lance disputado entre ambos no recente Benfica x Naval.Marcha do Vapor conversou com o jogador brasileiro que relembrou o lance: “Lembro-me do lance” salienta o médio brasileiro “uma bola dividida disputada pelos dois, porém nunca me passou pela cabeça que do lance resultasse qualquer lesão, nem tampouco tive qualquer intenção em lesionar o Di Maria”.

“Vou procurar o contacto dele” adianta o jogador “quero desejar-lhe um rápido restabelecimento e uma vez mais reiterar que da minha parte não houve qualquer maldade na disputa no lance” expressou.

Fonte: Marcha do Vapor

Marinho: «Não nos podemos deixar adormecer»

VITÓRIA FRENTE AO PAÇOS É O OBJECTIVO


O facto do Paços de Ferreira ocupar o último lugar da tabela classificativa, sem qualquer vitória, não é visto por Marinho como favorável à Naval.

“Não nos podemos deixar adormecer. Vamos defrontar um adversário que quer alterar o rumo dos acontecimentos”, afirmou acrescentando: “Vamos lutar ombro-a-ombro pela vitória”.

Marinho está feliz pelo jogo marcado ao Belenenses. “Todos os golos são saborosos mas este dediquei-o à minha mulher, que está à espera do nosso primeiro filho”.

Quanto ao próximo adversário da Taça de Portugal referiu: “Não temos preferência por qualquer opositor, mas o que queremos é chegar o mais longe possível”.

Daniel Cruz deixa treino queixoso

DORES NA COXA ESQUERDA

Daniel Cruz abandonou o treino no Bento Pessoa, queixando-se de dores na coxa esquerda. Aguarda-se a realização de exames complementares para uma melhor avaliação da extensão da lesão.

Gilmar já fez treino condicionado. Cumpriu exercícios específicos com bola e fez corrida.

Nada bom mesmo, mas com tanto minuto nas pernas depois da Taça é normal. Força Daniel

Fonte: Jornal Record, editado pelo "onavalista"

Colectivo Maravilhas - Apoio da Naval

No próximo Domingo dia 16, a Naval vai jogar contra o Paços de Ferreira para a 8ª Jornada da Liga Sagres 2008/2009. Como seria de esperar do nosso e maravilhoso Colectivo, vai haver deslocação de autocarro para a capital do móvel, mas em excursão que sai do Colectivo ás 09.30H de dia 16.
Para tal deixo-vos o contacto do responsável 96 292 59 88.
E claro que a Naval leve Madeira e saia de lá com o Móvel.
Força Naval e obrigado Colectivo.

Kovacevic vai parar 5 meses

MÉDIO TEM ROTURA DE LIGAMENTOS NUM JOELHO

O médio sérvio Steven Kovacevic, da Naval 1.º de Maio, vai parar cinco meses, devido a uma rotura de ligamentos, disse à Lusa o responsável clínico do clube, Pedro Santos. A ressonânica magnética a que se submeteu o jogador confirmou uma rotura do ligamento cruzado do joelho direito e Kovacevic vai ser sujeito uma operação. "Perante este tipo de lesão a intervenção cirúrgica torna-se inevitável", afirmou Pedro Santos, anunciando que a intervenção deverá decorrer na próxima semana, obrigando o jogador a uma paragem nunca inferior a cinco meses. Steven Kovacevic cumpre a sua primeira temporada em Portugal, tem 20 anos e foi contratado pela Naval ao FK Radnicki, da Sérvia.

Fonte: Jornal Record e Foto Rogério Neves/Marchadovapor

REMO: NAVAL COM VITÓRIA NA 1ª PROVA DO TORNEIO DE ESCOLAS DA ARBL

Realizou-se no passado dia 8 de Novembro, em Coimbra a 1ª Prova do Torneio de Escolas da Associação de Remo da Beira Litoral.

Esta é a competição mais importante da ARBL, onde participam apenas atletas que começaram a praticar remo na presente época.

A Naval participou com 27 atletas divididos pelos vários escalões, tendo alcançado as seguintes classificações:
Escalão 0 Fem. – 1ª Catarina Silva; 2ª Ana Carlota Moreira.
Escalão 1 Fem. – 1ª Soraia Moreira; 2ª Bianca Mendes; 3ª Eliana Lima.
Escalão 1 Masc. – 1º André Jesus; 6º Rodrigo Mota; 7º Francisco Oliveira; 8º Luis Monteiro; 10º Pedro Pereira.
Escalão 2 Fem. – 3º Carolina Dias; 4ª Maria Carolina Moura; 7º Maria Carlota Moura.
Escalão 2 Masc. – 4º Nuno Gomes; 5º Manuel Silva; 7º Fábio Eva; 11º João Simões; 12º Francisco Oliveira.
Escalão 3 Fem. – 3ª Rafaela Lemos.
Escalão 3 Masc. – 2º Karl Stahlberg; 4º Fábio Gomes; 5º Flávio Rentão; 13º Fábio Lourenço; 14º Bruno Cardoso; 15º Peter Figueiredo.

Na classificação geral a Naval classificou-se em 1º lugar com 209 pontos seguida da Académica com 195 e o Ginásio com 98.

Prespectiva-se assim, tal como na época passada uma grande disputa entra Naval e Académica para a conquista deste torneio que é disputado em 6 provas, sendo 5 na àgua e uma de remo indoor.

Força Naval e viva os campeões. Obrigado Naval.

Ulisses Morais: «Sofremos desnecessariamente»

Ulisses Morais, apesar de satisfeito com a passagem para os oitavos-de-final da Taça de Portugal, deu uma reprimenda na sua equipa, por ter permitido que o Belenenses conseguisse igualar o resultado no tempo regulamentar.

"Seguir na Taça era o nosso objectivo. Na primeira parte, controlámos o jogo e marcámos perto dos 45 minutos. Com o 2-0, a equipa mostrou uma segunda faceta: perante as coisas fáceis, ela gosta de complicar. Depois, revelou outra faceta e voltou a controlar o encontro. No prolongamento, fez um golo de bola parada, mas que poderia ter sido conseguido de outra forma. Sofremos desnecessariamente, mas também vai servir de lição, para que a equipa melhore no futuro", considerou o treinador da Naval à Sport TV.

Naval segue em frente na Taça :)

Naval sofreu 2 golos em menos de 2 minutos, depois de Ulisses Morais retirar Davide, por Marcelinho, pareceu que a naval não encontrava rumo para o ataque como Davide estava a fazer.

O Jogo esteve empatado até ao fim dos 90 minutos. No prolongamento a Naval impôs o seu futebol com mais qualidade do que o Belenenses, com mais pressão sobre o adversário e demonstrando também o factor casa.

Ulisses Morais, deixou entrar MICHEL SIMPLICIO , que logo fez diferença no jogo, mas a equipe não chegava ao golo. NA segunda parte do prolongamento o Belenenses fez falta á entrada da sua grande área e Alexandre HAUW de livre directo fez um grande Golo, para a Naval. Assim a Naval segue em frente na Taça de Portugal, com esta vitória sofrida.

Ficam aqui os golos da naval, para recordarmos com glória. Obrigado Naval - Grande Naval (video retirado por fonte o ter eliminado)

Naval Vence por 1-0, ao intervalo e marca logo na segunda por Marinho 2-0

Naval 1º de Maio vence por 1-o a equipe de Belém com um golo de Bolívia, com um remate de fora de área, em que a bola foi desviada por um defesa do Belenenses e o guarda-redes do Belenenses fui atraiçoado.

Bom jogo, mas falta mais mobilidade no meio campo da Naval, mas antes do intervalo Ulisses Morais trocou Marinho de posição e a equipe encaixou melhor no esquema táctico fornecido pelo seu treinador.

Logo á entrada da segunda parte grande investida de Davide com um grande passe para Marinho e o mesmo de calcanhar faz um grande golo para a Naval. 2-0.

Também aqui fica o link para quem não têm sportv http://xtreamsoccer.com/index.php?view=details&id=285%3Ajogo-mais-logo&option=com_eventlist&Itemid=60