Edivaldo acreditará "até ao fim" na salvação

"Temos de continuar a trabalhar". Esta é a receita de Edivaldo, avançado, 24 anos, um dos melhores marcadores da Naval, a par de Fábio Junior (ambos com quatro golos). O brasileiro, com nacionalidade boliviana, tem contrato até 2012, mas, não esconde o desencanto pelo penúltimo lugar na tabela e por duas derrotas consecutivas (Rio Ave e Nacional), mas aponta este caminho como o único para evitar a descida. Para alimentar este sonho é obrigatório vencer em Leiria e confiar numa vitória do Sporting diante do Setúbal. "Acreditamos na permanência, até ao fim", garante o atacante. 

Fonte: O Jogo

0 comentários: