Santa Clara-Naval, 2-0

Açorianos voltam a vencer a Naval com grandes penalidades


Mesmo em superioridade numérica, o Santa Clara continuou com alguma dificuldade em gerir a bola e deixou sempre muito espaço para a Naval, que esteve melhor até ao intervalo. Nos primeiros minutos da segunda parte, Minhoca, numa excelente jogada individual, quase ampliou a vantagem, mas a bola embateu num defesa contrário e não entrou.

O jogo decorria com apatia e só voltou a animar aos 83 minutos, por culpa de uma jogada polémica na área do Santa Clara, com a Naval a reclamar grande penalidade, por alegada falta sobre André Fontes, o que até provocou discussão entre os treinadores.

Já decorria o primeiro minuto do tempo de compensação quando o árbitro assinalou uma a segunda grande penalidade a favorecer a equipa da casa, por mão de Carlitos: Reguila não deu qualquer hipótese ao guarda-redes forasteiro.

Jogo no Estádio de São Miguel, em Ponta Delgada.

Santa Clara - Naval 1.º de Maio, 2-0.

Ao intervalo: 1-0.

Marcadores: 1-0, Luiz Carlos, 31 minutos (grande penalidade). 2-0, Reguila, 90+2 (grande penalidade).

Santa Clara: Hélder Godinho, André Simões, Accioly, Luiz Carlos, Serginho, Godinho, Tony, Minhoca, Pedro Cervantes (Reguila, 70), Porcellis (Paulo Monteiro, 90+3) e Alex (Marco Lança, 72). (Suplentes: Brice Niclos, Paulo Monteiro, Marco Lança, Reguila, Hugo Rego e Diogo Moniz).

Treinador: Luís Miguel.

Naval 1.º de Maio: Guilherme, Tiago Mesquita (Ricardo Neves,30), Raul Martins, Carlitos, Diogo Vila (Leo Bonfim, 87), João Martins, Diogo Silva, Tikito, André Carvalhas, André Fontes e Regula. (Suplentes: Ricardo Neves, Filipe Melo, João Diogo, Leo Bonfim e Vítor Nogueira).

Treinador: Álvaro Magalhães.

Árbitro: Rui Silva (Vila Real).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Diogo Vila (13), Raúl Martins (24), André Simões (39), Tony (74), André Fontes (83) e Carlitos (90+2). Cartão vermelho direto para Guilherme (30).

Assistência: Cerca de 800 espectadores.

Fonte: Record

0 comentários: