Naval-Sp. Covilhã, 2-1: Figueirenses estreiam-se a pontuar

Foto por Carina Monteiro
VITÓRIA IMPORTANTE EM CASA



A Naval conquistou este domingo os primeiros pontos na Segunda Liga, ao vencer em casa o Sp. Covilhã, por 2-1. Hugo Santos e Godinho marcaram os golos da formação da Figueira da Foz, aos 7' e 25', enquanto Gabi, aos 54', reduziu para os "Leões da Serra".
A vantagem no marcador traduzia o domínio da Naval, que ficou em inferioridade numérica a partir dos 35 minutos, devido à expulsão de Leandrinho.
Na segunda parte, o Covilhã reduziu cedo e submeteu os anfitriões a enorme sufoco, obrigando-os a abdicar do ataque e a defender a magra vantagem.
Face à última jornada, Daniel Ramos, técnico da Naval, fez quatro alterações, promovendo à titularidade, Carlos Fernandes, Godinho, Rogério Conceição e Leandrinho, enquanto o treinador serrano, Manuel Tulipa, chamou ao onze Joel, Ricardo Rocha, Idris e Dominic.
Aos sete minutos, Hugo Santos inaugurou o marcador, proveitando um cruzamento de Roberto, após lançamento de Godinho do meio campo. Giuliano e Hugo Santos podiam ter dilatado a vantagem, aos 20 e 22 minutos, mas o segundo golo da Naval só chegou por Godinho, aos 23, após assistência de Hugo Santos.
Antes do intervalo, Leandrinho foi expulso, na sequência de um lance dividido com Filipe Fernandes.
Aos 54 minutos, o Sp. Covilhã reduziu a diferença, com um golo de Gabi, na marcação de uma grande penalidade, que castigou um pretenso derrube de Carlos Fernandes a Wang Gang.
Estádio Municipal José Bento Pessoa, na Figueira da Foz
Naval-Sp. Covilhã, 2-1
Intervalo: 2-0
Equipas:
Naval: Taborda, Carlitos, Ricardo Ehle, Rogério Conceição, Carlos Fernandes, Godinho, Giuliano (Zé Rui 83'), Leandrinho, Hugo Santos, Roberto (Michel Simplício 90') e João Pedro (Willams 69')
Suplentes: Ricardo Neves, Leomar, Previtali e Fabiano
Sp. Covilhã: Nuno Santos, Dani Coelho (Dani Matos 54'), Ricardo Rocha (Wang Gang 35'), Aníbal, Joel, Zézinho, Idris Filipe Fernandes, Gabi, Dominic (Pedro Ribeiro 64') e Fofana
Suplentes: Igor Araújo, Amian, Milton e André Sousa
Árbitro: Bruno Paixão (Setúbal)
Ação disciplinar: Cartão amarelo para: Godinho (10'), Fofana (42'), João Pedro (42'), Carlos Fernandes (53'), Pedro Ribeiro (70') e Ricardo Ehle (72'). Cartão vermelho direto para Leandrinho (40')
Assistência: 400 espetadores
Fonte: Record

0 comentários: