Sp. Braga B-Naval, 0-0

Nulo justo no 1.º de Maio


Sp. Braga B e Naval não foram além de um nulo, no regresso do futebol profissional ao estádio 1º de Maio, em jogo da segunda jornada da Segunda Liga.

A equipa da casa conseguiu alguma superioridade, principalmente no segundo tempo, mas foi a Naval que dispôs dos melhores lances de golo, já perto do final do jogo. Nenhuma das equipas dominou a partida de forma esclarecida, no primeiro tempo, e a bola esteve quase sempre longe das balizas, pelo que não existiram lances de verdadeiro perigo.

A Naval teve mais tempo com a bola em sua posse, mas nunca conseguiu imprimir intensidade e velocidade para se acercar da área bracarense. Já o Sp. Braga B usou o corredor central e o flanco esquerdo para atacar a baliza do clube visitante.

Logo aos dois minutos, Guilherme arrancou pelo meio e ganhou espaço para um remate que saiu à figura de Ricardo Neves. Os arsenalistas ainda tiveram, já perto do intervalo, dois bons remates de Edson Rivera e Manoel, que foram desviados para canto.

Do outro lado, a equipa da Figueira da Foz não conseguiu melhor do que um remate fraco de Carlitos para as mãos de Cristiano, quando se encontrava em boa posição para fazer golo, aos 43 minutos.

O Sp. Braga B entrou mais forte na etapa complementar, com Tomás Dabó em destaque no lado direito do ataque. Chegou muitas vezes à linha de fundo, mas os cruzamentos não originaram lances de perigo.

A Naval respondeu aos 53 minutos, através de um remate cruzado de João Pedro, que passou perto da baliza minhota. O Sp. Braga B continuou a mostrar alguma superioridade e esteve perto de marcar, por intermédio de um livre de Guilherme, que rasou a barra.

Mas, nos últimos dez minutos foi a Naval que dispôs das melhores oportunidades para decidir o jogo a seu favor. Aos 83 minutos, Tozé Marreco, junto à pequena área, rematou muito por cima. No minuto seguinte, foi Vitor Alves que, com um cabeceamento de cima para baixo, provocou defesa difícil de Cristiano

Sp. Braga B-Naval, 0-0
Jogo no Estádio 1º de Maio, em Braga
Assistência: cerca de 2.000 espectadores
Árbitro: João Ferreira (Setúbal)


Equipas:
Sp. Braga B: Cristiano; Florent (Afonso Figueiredo 85'), Gonçalo Silva, Aníbal Capela e Guilherme; Victor Nikiema (Tiago Ribeiro 73'), Mauro, Tomás Dabó e Edson Rivera; Zé Manuel (Diogo Ribeiro 56') e Manoel
(Suplentes: Pedro Cavadas, Palmeira, Afonso Figueiredo, Tiago Ribeiro, Nuno Valente, Diogo Ribeiro e Xavier)
Treinador: Artur Jorge


Naval: Ricardo Neves; Vitor Alves, Diogo Vila, Tikito e Luís Tinoco; Felipe Melo, Leandrinho (Regula 65'), André Fontes e Carlitos (André Carvalhas 86'); João Pedro e Roberto (Tozé Marreco 71')
(Suplentes: Guilherme, Diogo da Silva, João Martins, Regula, Bruno Di Paula, André Carvalhas, Tozé Marreco)
Treinador: João Almeida


Ação disciplinar: Cartão amarelo para Victor Nikiema (10), João Pedro (47), Felipe Melo (49) e Guilherme (60)

Fonte: Record

0 comentários: