"Convites da I Liga"

O futuro de Edivaldo passa por Portugal por ter convites da I Liga "que serão analisados". Após quatro épocas na Figueira da Foz, o boliviano terminou o vínculo com a Naval e, na despedida, garantiu que o empenho foi o maior possível: "Dei tudo de mim. A equipa praticou bom futebol mas falhou nos jogos em casa; perdemos muitos pontos." Não ter subido foi "uma grande tristeza", no entanto, os adeptos, segundo o avançado, também tiveram a sua quota parte de culpa: "É preciso mais apoio dos sócios. No jogo frente ao Moreirense, mais de 1500 pessoas viajaram 200 quilómetros em socorro da equipa.

Fonte: O Jogo

0 comentários: